Em que momento eu tomei ácido?!

Imagem

Cara, há um tempo atrás eu tinha lido um post da Luisa lá do Potencial Gestante, falando insanidade gravídica. E eu como nunca fui normal, fiquei achando que essas coisas comigo iam acontecer de forma mais branda… Mas não! Quando me dei conta, parecia que eu estava alucinando, sei lá, como quem toma ácido, chá de cogumelo, chá de fita, algo do gênero crianças não façam isso em casa pra saber como é que é.

Me lembro das vezes que eu fiquei assim por medicação… a primeira foi quando tive uma crise renal das brabas e tomei tramal na emergência do hospital, fiquei tão bem, tão de boa, tão na paz, que a dor passou, fui liberada, e quando entrei no carro, as luzes da cidade estavam tão brilhantes, tão bonitas, tão cheias de cor… e foi nessa hora que o Dudu falou comigo e quando eu girei a cabeça pra falar com ele, ele não era ele, ele era o Stuart Little… HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA… Ainda me pego rindo disso.  A segunda e última vez que eu alucinei assim, foi quando voltei da anestesia da curetagem que eu fiz, segundo a minha mãe e o Dudu eu tava lá muitcho loca falando que estava morrendo de fome e queria uma lasanha quatro queijos gordoéfoda.

Mas peraê, eu não tava grávida quando alucinei antes e agora, meus caros amigos, o quequitácontecenu?

O que está acontecendo é que outro dia eu tava lá, linda e com dor na pança pela rave dessas crianças e resolvi entrar na banheira pra ver se aliviava o peso e a dor. Enchi a dita cuja de água, coloquei meus sais ryca, e entrei lá naquela água morninha, que agora já não cobre mais a barriga… E comecei a viajar, em como aquela situação que eu estava similar às crianças, que tão nadando numa piscina quentinha agora e tal, não sei o que, pararápererépãoduro, fiquei me imaginando dentro do meu útero com eles dois, interagindo, brincando, meio claustrofóbica, mas tava maneiro… Até que eu fui despertada do meu momento in fetu, quando o Dudu entrou no banheiro e me viu em posição fetal na banheira, com metade da cabeça enfiada na água, e só o nariz de fora pra poder respirar. Patético é fato, mas isso é só a constatação do que vem a seguir…

Outro dia, eu acordei, como tantas outras noites, adivinha pra quê?! Fazer xixi, é claro, como sempre. Agora eu já não me lembro se eu o acordei, ou se ele tava acordado, ou qualquer coisa que o valha, até porque agora tá fueda de levantar sem acordar o coleguinha do lado, mas enfim… eu levantei, abri a porta do quarto das crianças e quando já estava lá baixando as calças, escuto uma voz vindo do além, do além do meu quarto só se for…
– Carol, o que que você está fazendo aí?
– Xixi ué…
– No quarto das crianças?
E foi aí que me liguei que tinha aberto a porta errada (que é do outro lado do corredor, diga-se de passagem) e estava prestes a mijar, sei lá onde… Subi minhas calças e voltei pro meu quarto, como se nada tivesse acontecido. Quando eu entrei rola o seguinte diálogo:
– Mas você não ia fazer xixi?
– Ia.
– Não vai mais?
– Vou.
– Então vai.
– Ah tá.
Aí você pensa, o que essa grávida de seis meis ia fazer? Deitar de novo e mijar na cama toda se o marido não lembrasse que precisava mijar? PROVÁVEL. Mas o fato é que eu fiz xixi, e voltei a dormir e a noite transcorreu sem maiores incidentes aquáticos.

Até que hoje, eu achando que tudo isso tava tranquilão, eu acordo, levanto pra beber uma água e quando vejo meu cachorro encolhidinho no sofá e escuto ele falar pra mim:
– Mãe, tô com frio, me cobre?
Aí eu me pego pensando que eu não sei o que é mais estranho… se é meu cachorro falando comigo, ou se fui eu, que ignorei as regras de sanidade mental E FUI LÁ COBRIR O CACHORRO. E voltei pro meu quarto como se isso fosse a coisa mais normal do mundo…

Tá brabo! Demais! To alucinando direto.
Tô meio Alice no País das Maravilhas, dançando com o Ringo Starr vestido de tartaruga, e vendo a rainha branca virar uma ovelha…
Ainda bem que a minha faculdade tá trancada, porque nesse momento, meus professores e minhas amiguinhas já teriam me internado no Pinel.

Anúncios

Um comentário sobre “Em que momento eu tomei ácido?!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s